PRIMATO SEDIA EVENTO EM PARCERIA COM O BANCO DO BRASIL

Inauguração do Atendimento especializado Agro e 17ª Etapa Circuito Agro BB foram o foco.

O Banco do Brasil desenvolveu na tarde da última quinta-feira (16), evento de inauguração do atendimento especializado Agro e a 17ª Etapa do Circuito Agro BB, que foi realizado na Associação da Primato Cooperativa Agroindustrial, com a participação do vice-presidente de agronegócios, Tarcísio Hübner.

ATENDIMENTO AGRO

O atendimento especializado Agro visa oferecer agilidade, atendimento personalizado e integral, conforme as necessidades do cliente. Oferece um conjunto de soluções visando a melhor experiência com o produtor rural, através de equipe capacitada em crédito rural, com apoio de especialistas em investimentos, aliado a consultoria de engenheiros agrônomos em horários diferenciados. “As características da região de Toledo, com a disponibilidade de solo fértil, clima e topografia, fazem do município um dos maiores exportadores do país”, enalteceu Hübner.

CIRCUITO AGRO BB

Circuito Agro é uma iniciativa da instituição financeira, com vistas a promover o encontro entre produtores rurais e profissionais do campo, para debater sobre temas relacionados a sustentabilidade, inovação, novas tecnologias e técnicas de produção que oferecem aumento de produtividade, sem impactos negativos aos custos de produção. “O valor bruto de produção cresceu 10,69% em relação ao ano passado, por isso o Banco do Brasil não poderia deixar de trazer um atendimento especializado em agronegócios e um Circuito Agro BB, como forma de reconhecimento a importância para o agronegócio mundial”, afirmou o vice presidente de agronegócios do BB.

Evento teve início às 13h30 na Associação da Primato com a participação dos envolvidos na cadeia produtiva e teve enfoque no debate da diversificação e sucessão nas atividades agrícola e pecuária dentro da propriedade rural de forma harmônica, reduzindo danos ao meio ambiente e aumentando a produtividade no campo. Também foram abordados temas sobre unidades de recebimentos e armazenagem de grãos, autossuficiência em energia, geração e distribuição de biogás, mitigadores de risco, soluções de créditos e serviços.

 

Voltar